Quinta, 06 Abril 2017 10:34

Tratamento de canal – Tire suas dúvidas com Dra. Wilma Souza

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)

Popularmente conhecido como tratamento de canal, a endodontia gera muitas dúvidas nos pacientes. Entre elas: se o tratamento dói, se o dente fica enfraquecido ou se ocorre mudança da coloração do dente. A cooperada da Uniodonto Amapá, Dra. Wilma Souza, esclarece algumas dessas dúvidas.

O que é o tratamento de canal?

A Endodontista explica que é o tratamento da polpa, que é uma estrutura situada na parte interna do dente e raiz. Nessa região está localizado o nervo e vasos sanguíneos do dente, responsáveis por sua vitalidade. O tratamento de canal ou tratamento endodôntico consiste na remoção da polpa dental, que é um tecido com vasos sanguíneos e nervos localizados na parte mais interna do dente. Esta pode estar sadia ou infectada e, ao ser removida, é substituída por um material obturador.

Quando o tratamento de canal é indicado?

A cooperada da Uniodonto Amapá, pontua que de modo geral, o tratamento é indicado em duas situações: Primeiro, quando a polpa vital (viva) se apresenta inflamada, com dor espontânea em decorrência da exposição da dentina por cárie profunda, trauma, fratura coronária (coroa do dente), retração gengival, etc; Segundo, quando a polpa perde a vitalidade (polpa necrosada) e compromete a estrutura que envolve a raiz, provocando inflamação da membrana periodontal e do osso de modo assintomático.

Quais os sintomas mais característicos?

Para a endodontista os sintomas estão ligados aos quadros agudos, com dor espontânea isto é, o dente começa a doer sem estímulo de forma latejante, e que aumenta com o calor. Em fases mais adiantadas da inflamação, a dor pode irradiar-se para regiões mais afastadas, sendo difícil distinguir qual o dente afetado. Neste caso, a polpa ainda está viva, porém inflamada, e o uso de analgésicos não resolve. Já quando há morte da polpa, geralmente a dor é bem localizada, havendo sensação de “dente crescido” e dor ao mastigar, porém em alguns quadros crônicos os sintomas são ausentes ou mal caracterizados, sendo que a descoberta de um dente lesionado é resultado de exames periódicos de rotina ao dentista.

O tratamento de canal enfraquece o dente?

A Dra. Wilma explica que em muitos casos, quando o dente requer o tratamento de canal, ele já está muito enfraquecido devido o comprometimento em virtude da cárie. Por isso é necessário escolher profissionais capacitados para que definam os melhores materiais a fim de restaurar e proteger a estrutura do dente.

É comum sentir dor após o tratamento de canal?

A Endodontista alerta que não! É normal que o paciente sinta a região onde foi realizado o tratamento e o local da aplicação da anestesia mais sensível, mas não em virtude do tratamento de canal.

O dente morre depois do tratamento de canal?

Dra. Wilma esclarece que o dente continua vivo, pois ainda possui todos os tecidos periodontais que o nutrem e fixam na boca. Apenas parte da sensibilidade dental é afetada.

O dente escurece após o tratamento de canal?

A profissional compartilha que é uma dúvida muito frequente, e explica que o dente escurece devido a hemorragia interna, que pode ocorrer em decorrência de um trauma, ou se o cimento utilizado na obturação for um cimento de coloração escura. Por isso é importante utilizar cimentos brancos que não promovem escurecimento da coroa e raiz dentais.

O que acontece se o tratamento de canal não for feito?

Dra. Wilma enfatiza que se o paciente não realizar o tratamento de canal quando necessário, poderá ocorrer o surgimento de fortes dores, infecção no tecido ósseo rente ao ápice da raiz levando à um abscesso dento-alveolar agudo, com muito inchaço e altíssimo risco das bactérias migrarem para a corrente sanguínea.

Pequenas e micro-infecções crônicas no ápice das raízes também podem provocar vários tipos de doenças sistêmicas como a endocardite bacteriana, acidentes vásculo-cerebrais (derrames), nascimento prematuro de bebês e abscessos pulmonares.

Dra. Wilma destaca que é importante que o paciente procure um profissional especializado para tirar qualquer tipo de dúvida e garantir o sucesso do tratamento.


Lílian Guimarães
Comunicação Uniodonto
Jornalista e RP
Especialista em Comunicação
Santa Mídia Comunicação
(96)98124-9681

Ler 7306 vezes

Localização

Rua. Dr Marcelo Cândia, 925 - Santa Rita - Macapá/AP | Telefone: (96) 3222-3237, 3222-3247 e 3222-0125.

Funcionamento de segunda-feira a quinta-feira 08:00-18:00, sexta-feira de 08:00 as 17:00.

 

História

A cooperativa odontológica Uniodonto Amapá foi fundada no dia 23 de setembro de 1997, durante assembleia realizada no auditório do CRO (Conselho Regional de Odontologia), em Macapá. No encontro, os presentes discutiram a aprovação do Estatuto, eleição da diretoria e pedidos de filiação à Federação das Uniodontos das Regiões Norte-Nordeste do Brasil.

Visão

Ser a melhor Rede Odontológica do Estado do Amapá, a partir, da aliança entre conhecimento, tecnologia e humanização.

Valores

Ética, Transparência, Qualificação Profissional e Valorização do Cirurgião Dentista e Colaboradores.

Missão

Promover a saúde bucal de qualidade com base no cooperativismo.

 NFL Jerseys China